14.99 

10 Comprimidos por blister

REF: vriligy Categoria: Etiqueta:

Descrição

Vriligy (dapoxetina) é um produto fabricado pela empresa Centurion Laboratories na Índia.
Este é o produto ideal para quem tem problemas de ejaculação precoce ou que simplesmente pretende prolongar a relação sexual.
É possível utilizar Vriligy (dapoxetina) momentos antes da relação sexual ou como um tratamento diário.
O funcionamento de Vriligy (dapoxetina) consiste em aumentar o tempo que o utilizador necessita até ejacular.

Dosagem

Deve tomar 1 comprimido cerca de 1 a 2 horas antes da atividade sexual.
Tome o comprimido inteiro, com um copo de água.
Não tomar mais de 1 comprimido por dia.

Considerações Importantes

O período de tempo que demora a atuar varia de pessoa para pessoa, mas, normalmente, esse período varia entre 1 a 2 horas.
A concentração máxima no plasma é atingida num tempo médio entre 1 a 2 horas após a toma.
A velocidade de absorção pelo organismo de Vriligy (dapoxetina), não sofre alterações conforme os alimentos que consome, pelo que pode tomar Vriligy (dapoxetina) com ou sem alimentos.
Não deve ingerir bebidas alcoólicas durante o tempo de ação deste produto, pois os efeitos do álcool, como tonturas, sonolências e reações lentas, poderão ser aumentadas ao tomar Vriligy (dapoxetina).

Informação Detalhada

O mecanismo que permite Vriligy alterar o tempo da ejaculação ainda não é totalmente conhecido.
Presume-se que Vriligy, funcione como um inibidor do transporte de serotonina e ao subsequente aumento da ação do neurotransmissor nos recetores pré-sinápticos e pós-sinápticos.
A ejaculação é regulada por várias áreas no sistema central nervoso.
O caminho a percorrer pelo sinal que ativa a ejaculação, tem origem em um reflexo espinhal ao nível toracolombar e lombossacral que é produzido pelo estímulo do orgão sexual masculino.
Esse sinal é então transmitido para o tronco cerebral, que é depois influenciado por um número de núcleos no cerebro como o pré-óptico medial e o núcleo paraventricular.
O efeito de Vriligy causa um aumento da latência na descarga do reflexo do monoteurônio pudendo (PMRD).
É no entanto desconhecido se Vriligy atua diretamento no LPGi ou no caminho descendente onde o LPGi se encontra.

Não tome Vriligy (dapoxetina):

Se tem alergia a qualquer componente deste produto (indicados no verso do blister).
Se tem problemas cardíacos ou hepáticos graves.
Se tem história de desmaios.
Se está a tomar medicamentos para a depressão denominados de IMAOs (Inibidores da monoaminoxidase).
Se está a tomar outros medicamentos para a depressão.
Se está a tomar, lítio, linezolida, triptofano, hipericão, tramadol, medicamentos utilizados no tratamento de enxaquecas, nefazadona, cetoconazol, itraconazol, ritonavir, saquinavir, nelfinavir, atazanavir, verapamilo, diltiazem.
Se alguma destas condições acima indicadas se aplicar a si, informe-se junto do seu médico ou farmacêutico.